Você cria muitas expectativas?

Guaximi assustado
Image by Joenomias on Pixabay

O nosso cérebro está programado para a todo tempo pensar no resultado: será que vou apresentar direito o meu TCC?

Será que vou conseguir vender meu carro na feira da semana que vem?

Como que será que vai ser meu primeiro dia no trabalho novo?

Devido a essa rede neural padrão que o ser humano tem, temos que tomar cuidado com o tipo de expectativa que criamos.

Se criamos expectativas que dependem somente de nós, tudo bem.

O problema é quando criamos expectativas irreais, ou seja, que dependem de outras pessoas ou de situações, porque não temos controle sobre elas e quando não lidamos bem com isso, ficamos estressadas ou frustrados.

O evento é neutro. A maneira com que lidamos com o evento é que mostra o quão equilibrado emocionalmente nós estamos.

Vamos pensar no seguinte caso:

Imaginem o João, que há 3 anos não tira férias, finalmente consegue negociar 10 dias com seu chefe.

Ele programou uma viagem para a praia e no dia esperado, acordou todo feliz, com um sorriso de orelha a orelha, mas quando olhou pela janela, observou que estava chovendo.

Nesse momento, João ficou muito desanimado, triste, pois bem no primeiro dia de férias estava chovendo e estragaria o seu passeio.

Reclamou da chuva, reclamou do chefe que nunca dava férias, reclamou que não tinha sorte, enfim, deixou aquele evento acabar com seu dia.

Ao mesmo tempo, o vizinho do João, o Henrique, acordou, olhou a chuva e falou: que maravilha que está chovendo, hoje vou curtir o meu sofá e a temporada nova que entrou no Netflix.

Percebem como o evento – o dia chuvoso – é neutro, porém a maneira com que lidamos com ele é o que nos deixa tristes, felizes, bravos ou animados?

Por isso temos que ter cuidado com as nossas expectativas e não devemos deixar que elas nos controlem, pois quando isso acontece, perdemos o controle emocional.

Uma dica que deixo para quem costuma criar muitas expectativas é tentar colocar foco no que você pode controlar, no que depende apenas de você, porque se não der certo, não dá para reclamar, você que não fez o que deveria!

Não coloque expectativa nos outros, pois os outros são os outros, cada um pensa de um jeito, cada um tem suas crenças, seus momentos, seus interesses.

Uma frase que gosto de lembrar quando vejo que estou criando expectativas irreais é: o universo não foi construído, para atender todos os meus desejos.

Experimente você também!

Lívia Netto

 

Compartilhe este post com seus amigos:
Dê sua opinião:
2 0

Comente!

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese