Para quem tem mais de 50, e quer retornar ao mercado, quais as orientações?

Aperto de mãos
Foto:Pixabay
Compartilhe!

Inserir os profissionais 50+ no mercado de trabalho é um tema cada vez mais relevante.

Com a situação econômica do país, sabemos que não está tão fácil encontrar emprego.

A competição é grande e cada dia o mercado exige mais competências e conhecimentos na hora da contratação.

Pesquisas mostram que conforme a idade vai passando, fica mais difícil encontrar um emprego, por isso é fundamental se preparar para retornar ao mercado.

É importante traçar quais são os objetivos de carreira para encontrar o emprego e a empresa que tem a mais a ver com o seu perfil.

Traçando seus objetivos você consegue enxergar quais são seus pontos fortes que te ajudarão a conquistar a posição que deseja e como se vender na entrevista.

Após estabelecer um objetivo é hora de procurar por vagas.

Há várias maneiras de fazer isso, uma delas é cadastrar o currículo nos sites das empresas de interesse.

Além disso, mantenha seu perfil atualizado no Linkedin e se inscreva em grupos de vagas.

Você pode também enviar seu currículo para sua rede de relacionamentos e pedir para que te indiquem quando abrir uma vaga.

Uma boa indicação faz diferença em um processo seletivo.

Se mesmo assim ainda estiver difícil de encontrar um emprego, existem algumas consultorias especializadas em recolocar os profissionais.

As consultorias de Out placement tem o objetivo de orientar desde a elaboração de um bom currículo, até procurar a vaga que mais se encaixa de acordo com o perfil do candidato.

Enfim, existem várias maneiras de se recolocar no mercado, o importante é ter persistência para conseguir seguir em frente apesar de ouvir alguns nãos pelo caminho.

O mito de que os mais experientes têm maior resistência a mudanças prejudica a contratação de pessoas com mais idade?

Atualmente algumas empresas estão fazendo programas para incentivar a contratação de pessoas mais velhas, mas infelizmente ainda são a minoria.

Por causa desse mito de que os mais experientes têm maior resistência a mudanças as empresas preferem contratar pessoas mais jovens em alguns casos, porém não é só por causa deste mito.

O funcionário mais experiente tem muito a agregar às empresas, porque já passou por diversas situações ao longo da carreira e possui competências que o jovem ainda não desenvolveu, por outro lado, o salário deste profissional é mais elevado.

Esse é outro motivo que dificulta a contratação em alguns casos.

Outro fator é que o funcionário mais velho se formou há muitos anos.

Os cursos eram muito diferentes do que encontramos no mercado hoje.

Os jovens conseguem mais vantagem por estarem mais atualizados e por fazerem cursos que antes nem se quer existiam, mas que hoje são muito valorizados nas organizações devido ao avanço tecnológico.

Por isso é importante manter-se atualizado, seja realizando uma pós-graduação, MBA ou treinamentos na área.

Mas apesar desses fatores, as empresas continuam contratando profissionais com mais idade e geralmente para posições estratégicas, pois possuem um perfil mais qualificado e com vasta experiência, porém essas vagas de gestão e de consultores não são abertas com tanta frequência.

Lívia Netto


Compartilhe!
Share This Post

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>