Como valorizar o meu currículo?

Crianças olhando tela do computador e comemorando
Imagem de StartupStockPhotos por Pixabay

Seu currículo é a chave para ser selecionado no primeiro filtro, seja ele um banco de dados, um e-mail ou um recrutador.

 

Além de ter o perfil adequado para a vaga, você precisa saber apresentar suas qualificações e competências. Em alguns segundos, tem que convencer o recrutador de que você é, possivelmente, a pessoa certa para aquela função.

 

Valorize seu currículo e mostre quem você realmente é.

 

CABEÇALHO

 

Comece seu CV com seu nome destacado, seu objetivo (cargos/funções), telefone com ddd e e-mail. Endereço e documentos só depois, se você passar. E nada de estado civil, data de nascimento, idade ou foto, a não ser que sua profissão exija.

 

RESUMO

 

Prepare-se para escrever a parte mais importante do seu currículo, o seu Resumo, onde quem lê espera encontrar as informações mais relevantes sobre você. E se não gostar do que está lendo, seu CV será descartado antes de chegarem ao final.

 

Resuma suas principais experiências profissionais e foque nos resultados entregues, no que você fez pelas empresas e foram pontos altos na sua carreira. Destaque ações, projetos e resultados numéricos. Não perca tempo detalhando tarefas ou responsabilidades. Destaque também as habilidades que possui e utilizou para alcançar esses resultados.

 

Dê exemplos de projetos, conquistas e prêmios. Não esqueça dos seus talentos, conhecimentos técnicos, de informática e idiomas que domina. Se tiver alguma experiência no exterior, inclua também.

 

Seu Resumo tem que ser atraente e engajado! Utilize palavras chave relacionadas à sua carreira, profissão e trabalho, bem como às suas habilidades e competências. Você é encontrado através das buscas por palavras chave que recrutadores e headhunters utilizam no LinkedIn e em bancos de vagas para encontrar você. Quanto mais palavras chave você utilizar, maior sua chance de ser encontrado.

 

FORMAÇÃO

 

Relacione sua formação, da mais recente para a mais antiga, informando o título, local e ano de conclusão. Se estiver cursando, coloque o ano previsto de conclusão.

 

EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

 

Detalhe sua experiência profissional, da mais recente para a mais antiga, colocando o cargo em destaque, o período e o nome da empresa. Descreva sua experiência e atividades, sempre focando nos resultados e nas entregas. Destaque os projetos em cada empresa.

 

Elencar tarefas não é um diferencial e não vai vender os seus talentos.

 

Não esqueça de utilizar as palavras chave relacionadas à sua profissão e às competências necessárias para exercê-la.

 

Pode se limitar aos últimos 3 cargos ou aos últimos 10 anos.

 

CURSOS

 

Relacione cursos extracurriculares relevantes, em ordem decrescente de data, informando nome do curso, local e ano.

 

OUTRAS EXPERIÊNCIAS

 

Se você tiver outras experiências relevantes, como intercâmbio, viagens, voluntariado ou atividades paralelas que possam agregar valor ao seu currículo, aqui é o lugar.

 

ATENÇÃO!

  • Enviar seu CV sem ter as qualificações exigidas pela vaga é perda de tempo!
  • Tente não passar de 2 folhas, no máximo 3.
  • Não minta.
  • Não erre. Erros de português são imperdoáveis.
  • Revise tudo! Até o número do seu telefone.

 

SUCESSO!

 

Oriento profissionais que desejam se valorizar de forma assertiva, destacando-se por suas habilidades e competências nos processos de recolocação.

www.cristinamoutella.com.br

 

 

 

Compartilhe este post com seus amigos:
Dê sua opinião:
1 0

Comente!

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

pt_BRPortuguese
pt_BRPortuguese